GODMODE 289 - DROPS GODMODE 288 - E3 2017 OFFMODE 52 GODMODE 287 - DROPS GODMODE 286 - MÃE DINAH

domingo, 11 de setembro de 2011

Godmode Drops #14


  
Baixe em MP3, assine o FEEDou acesse no portal TERCEIRA TERRA
Fala, galera!

Paulo, Pita, Chuvisco, Rafael Shimidt (Miolow), falam sobre Deus Ex, Street Fighter 3, Bulletstorm, Undead Nightmare, Catherine e etc. Num bloco extra, Fernando se junta a conversa para falar a dublagem horrenda de Uncharted 3 - Drake's Deception, para português do Brasil, aprovada pela Naughty Dog.

Twitter - @Godmode_podcast 

Este podcast é não é aconselhado para menores de idade.




4 comentários:

Fabio Sooner disse...

Ainda não ouvi o podcast todo, mas ouvi a parte da dublagem, e posso dizer o seguinte como tradutor freelancer na área:

Meu maior cliente, hoje, é uma agência especializada em dublagem e localização na Itália. Ela paga BEM acima da média do mercado de tradução brasileiro e americano, e imagino que faça o mesmo para os dubladores. Certamente não é de fundo de quintal.

Ela tem como clientes a Microsoft e a Sony, e pelo que sei, foi ela que comandou a dublagem dos Halo (não posso dizer com certeza porque só comecei a prestar serviços pra eles este ano). Trabalhei em pelo menos três jogos exclusivos de Xbox 360/Kinect a saírem no final do ano, e em todos recebi um MONTE de material de referência - hoje mesmo recebi um vídeo de motion capture de um desses três jogos para poder nomear os comandos direitinho. Já da Sony, só vem documentos jurídicos e manuais.

Eu sei que houve erros de tradução no Halo 3, mas não me espanta, já que às vezes a MS contrata uns beta testers que insistem em alterar coisas para justificar o pagamento (eles ganham por hora, então quanto mais "erros" encontrarem, mais recebem). Já passei por casos sérios, como um beta tester querendo mudar "grunty" para "raivoso" ou algo do gênero, sem perceber que era uma referência ao bicho mais comum da Convenant em Halo.

O ponto é que mesmo na fase de tradução você percebe a diferença de cuidado entre as duas empresas. Se já há essa diferença de cuidado na tradução, imagina na hora de escolher dublagem.

Isso dito, eu não comungo desse lugar comum de que a dublagem brasileira é maravilhosa não - ela é profissional, o que é diferente. Mas também, pra mim toda dublagem é ruim e não apoio nenhuma delas. Achei essa dublagem aí de Uncharted tão ruim quanto qualquer outra. O que dói é que, realmente, algumas partes parecem coisa de amador, não de profissional. Se vamos ter que aguentar coisa ruim, que seja pelo menos um ruim profissional - mal comparando, prefiro ver jogo do Madureira do que a pelada dos amigos, saca?

E se querem protestar, não adianta mandar mail ou jogar sem a dublagem. Se não me engano, esse Uncharted será prensado no Brasil. Se não apoiam a dublagem, comprem o jogo importado. A empresa só percebe o prejuízo do trabalho porco quando deixa de ganhar dindim. Se todo mundo que não gostou comprasse o importado em vez do nacional e o número final de vendas via Sony Brasil ficasse abaixo do de Uncharted 2, aí a empresa gringa rapidinho iria querer saber como isso aconteceu mesmo com dublagem local. AÍ SIM elas olharão o feedback em mensagens, fóruns e afins. Senão, esquece, não adianta nada.

E eu não acho que a matriz gringa faz isso de sacanagem, não. Bem ou mal ela investe de acordo com o retorno, e por mais que o mercado brasileiro tenha crescido, o número de vendas de um hit desses não deve chegar ao número que ele vai vender na Califórnia no 1º dia apenas. Enquanto um Uncharted não vender um milhão de cópias no país em vez de 200 mil, podem esquecer, eles vão tomar o caminho mais barato mesmo. E aí quem tem culpa no cartório é a Sony Brasil, que insiste em tratar a marca como se ela fosse de luxo, coisa que a Sony não faz em nenhum outro lugar do mundo.

Rômulo Ramos disse...

Como consumidor mediano e medíocre posso dizer que eu vou comprar o que tiver pela frente. Protesto em forma de consumo seletivo não faz parte da cultura brasileira.

Particularmente não me importo em ler legenda em jogos, já faço isso com filmes, assim fica mais fácil também de captar algum erro grotesto de tradução. Não consigo lembrar exemplo disso, mas já tive situações que abandonei até a legenda porque ela estava péssima e dificultava a compreensão do jogo.

Só para ser motivo de piada, já viram os trailers dublados do World of Warcraft? Eu achei muito bom e estou curioso para saber se as dublagens in-game estão com boa qualidade, talvez eu até pague alguns meses se a imersão for boa.

Para finalizar, gostaria de lembrar o "Vai para casa do caralh#" ou algo parecido do GTA que assustou até o meu cachorro.

De resto obrigado por me convencer a gastar meu dinheiro com essas coisas inúteis que são jogos de computador e videogame!

blog do manoel disse...

Catherine tem 8 finais!

Paulo disse...

8? Minha nossa! Rafael não vai mais largar esse jogo.